Conceito Cristão?

Derluh Dantas

Quarta-feira, semana santa para muitos cristãos. Cristo que pregava o Amor e andava por entre pessoas das mais distintas formas e apresentações, agora é justificativa para desrespeito e falta de direitos. Eu nunca fui contra o cristianismo, tenho minhas criticas argumentáveis sobre o dito ‘livro sagrado’ – não desrespeito a quem julgue a bíblia como sagrada, só que EU não acredito que livros sagrados sejam instrumentos de ódio, revoltas, guerras e perseguições, apenas isso. Então, em pleno século XXI, a discussão acerca do que esse livro prega e de como alguns o interpretam tem levantado bandeiras estranhas de ódio, de perseguição e hipocrisia da mais deslavada classe. Eu não quero ofender diretamente a nenhum credo ou pessoa em particular, estou querendo manifestar minha dor por uma ideologia que me é atravessada todos os dias. Um dia conversando com meu pai sobre minha sexualidade, ele citou muitos trechos da bíblia, que eu conhecia de cor. Mas, em meio ao dito por aquele livro, eu acho trágico/engraçado que um SER SUPREMO consiga perdoar escravização, mortes, adultérios e não consiga entender que existem outras opiniões coexistindo uma mesma civilização. Eu sou contra essa mistura de Estado, Leis e Religião – sim, colocarei no singular, por ver que apenas uma ideologia tem atravancado tanto os Direitos Humanos em meu país e em outros tantos, a Religião Cristã. Sei que existem Igrejas cristãs que pregam o amor e existe fiéis que entendem que o maior desejo de Deus é permitir que a centelha divina ilumine o caminho de cada pessoa em especial, respeitando seu próximo, sua diferença. Eu não sou a favor de crimes, nem contra crianças, nem contra animais... Disseram à grossa interpretação que minha reivindicação por direitos igualitários entre heterossexuais e homossexuais, ou a defesa de um Estado LAICO era justificativa para pedofilia e zoofilia. Pessoas pensantes, por gentileza entendam que defendemos o direito a diversidade sexual, não ao estupro – quando falamos que homossexuais querem os mesmos direitos de heterossexuais, o que vocês ouvem exatamente? Algum heterossexual anda casando com menores a contra gosto ou com cabras, ovelhas??? Estou cansado de tanto fanatismo enviesado em nome de um sujeito que falava e pregava o amor e o perdão. Sim, não sou Cristão, mas fui criado nessa ideologia e desejo, sinceramente, que se Jesus ainda se importa com essas ovelhas aqui, que volte... Tem muito lobo se vestindo de pastor para levar rebanhos a um caminho um tanto quanto violento e incoerente. Mas, voltando ao ocorrido hoje... Eu me sinto ferido pelas palavras que me foram direcionadas, não tanto pelo seu conteúdo, mas sim por quem as lançou. Eu não o admiro menos, mas sinto compaixão e certa dor por perceber o quanto a maldade de outros influenciam no ‘caráter’ dos bons!

Meu apelo... 
Políticos, religiosos, sujeitos, humanos, por gentileza não precisa concordar com tudo ou todo tido de gente, mas aprendam sobre respeitar o próximo e percebam que isso é muito diferente de injustiça ou perseguição. “Ditadura gay”?! Sério? Leia os livros históricos e mesmo os sagrados de vocês e vejam como muitos que hoje divulgam sua fé lutaram por respeito... Não é um tanto quanto irônico e hipócrita hoje, vocês CRISTÃOS – com exceções, obviamente – lutarem contra o direito e o respeito aos demais?

Por gentileza e amor, pensemos um pouco mais antes de esbravejar contra a fé e o respeito/direitos alheio!

2 comentários:

Laís Spósito disse...

Gostei muito do seu texto Derluh, e concordo com suas palavras e pensamentos. Sou Cristã, mas é triste ver o caminho que alguns seguem e profanam o nome de Jesus e de Deus.

Anônimo disse...

Olá Derluh, parabéns pela coragem. É isso aí, Jesus respeita todas as pessoas profundamente independente de opção sexual, cor, classe social. Nós realmente deturpamos a mensagem de Jesus.Mas acredito que ainda há tempo para mudar essas coisas. E é com gestos de coragem como o seu que esse processo vai tomando força. Clenival.

Santa Pesquisa: