Radicalismo só se for sua interpretação,


"Elefanta Branco"

Derlour Dantas

O céu está em trovões, parece reclamar com gente aqui de baixo. Acho que os relâmpagos querem fotografar tanta falta de sensibilidade para o óbvio. Os céus estão cansados de tanto excesso de má opinião. Não sei como justificar em palavras as boas das más escolhas, mas os ouvidos parecem ter uma declarada visão. É tanta adoração a criatura e dizem estar em eucaristia, louvando um Deus Supremo que suas palavras cabem na palma da mão e na pedra lançada ao infame. É estranho sermos sertões por definição de um ignorante que acredita ser formador de opinião. Tem algo lá em cima com intolerância aguda a tanto lixo em palavras e ideologias. É tanta podridão! Tenho medo de o raio errar seu caminho, acabar atingindo aquele pecador que é maravilhosamente belo de coração e espírito. Estranho os bons não serem reconhecidos tão claramente na multidão. Parece que o roto deseja os flashes, que sejam os dos céus então!

- Excesso de “ão” foi intencional provocação, torta e sincera declaração! – Assim falo sobre Religião e o Certo ou Sertão?!

Um comentário:

Matheus Lopes disse...

Nossa!!! Que maravilha, rapaz. Consegui sentir todo o texto.

Santa Pesquisa: